por myselfoutforme

Lucy, eu nunca quis machucar você. Eu nunca quis esse quadro de sangue, não na minha parede. E não sendo seu.

Essa noite eu quero me apaixonar novamente, e nunca mais direi que é pra sempre. Nunca mais. Por essa noite, eu quero. Voltar e seguir sem rumo, ir e não ter certeza se estou progredindo. Isso é recomeçar a vida, certo?

E um dia me falaram que nessa vida não há magoas. As cicatrizes são coisas que não conseguimos completar.

E uma vez me disseram que eu posso voar o quanto eu quiser. Basta ter um céu cheio de sonhos. Lucy, esses sonhos que você fez para nós se tornaram nuvens. As nuvens de um céu mais azul. Esse que eu pintei pra você.

Queria eu ter palavras boas pra acalmar teu coração. Se ele ainda for como o meu, bate acelerado e com mil motivos pra parar. Tu precisa descansar, eu também. Tu precisa amar, eu também. Tu precisa parar, mas eu quero voar.

Retirado do blog: http://discrepanciadodestino.wordpress.com/

Anúncios