Blindly, I came to you. Knowing you’d breathe new life from within.

por myselfoutforme

Dormi mal. Aquela sensação de preocupação, de não saber como vai ser de agora em diante. Olhos inchados, olheiras escuras. Sono e insônia. Levantei cedo. Procurei uma coisa e achei você no meio da turbulência que enfrento, no meio da minha dor. Da mesma forma que você estava quando me achou. Dizem por aí que vida é isso, essa teia de encontros e desencontros. Não quero seguir o pensamento da massa. Mas hoje acreditei nisso.
Fiquei relendo o histórico de algumas das nossas conversas hoje. Depois disso, percebi que eu continuo lembrando de você quando preciso me sentir mais leve e mais forte pra seguir meu caminho de batalha e resolvi escrever pra te agradecer. Algumas vezes, você disse que eu fiz muito por você e que um dia ainda iria me recompensar. Considere sua “dívida” paga, mocinho.
Sei que você não fez nada por mim agora, mas já fez muito. Afinal, contigo o mundo sempre me pareceu bem mais bacana.

É incrível, que mesmo depois de tanto tempo, mesmo com a distância, você ainda me faça me sentir tão melhor. São conversas antigas, sim, mas de uma riqueza tão intensa que deixou ensinamentos que uso até hoje. Existem pessoas – e você me fez perceber isso – que tocam a nossa alma profundamente, que fazem a diferença em nossa caminhada, pessoas com quem “trocamos figurinhas raríssimas para o nosso álbum.”

Deixa eu te dizer que eu mudei e isso você deve ter conseguido perceber já que sempre percebeu tudo em mim tão facilmente. Entre tantos outros assuntos, lembra quando a gente conversava sobre as nossas fraquezas? De ter aquele sentimento de que as palavras podem ferir a gente; aquilo de ter o coração mole e por isso precisar de um escudo? Deixa eu te contar o que andou acontecendo: não conseguiram quebrar meu escudo e eu fui infeliz. Ontem foi dia de ponto final. Não penso que foi uma burrada completa, eu aprendi bastante. Percebi o que quero e o que não quero; o que tolero e o que não tolero. Segui seu conselho de aproveitar as oportunidades. E melhorei! Estou tranquila, mas sabe quando você precisa desapegar? Isso é o pior pra mim. Eu o encontro em tudo que vejo, nas músicas que ouço, no filme que ele adora, no porta-retrato que ainda não consegui guardar. Fora que todos os casais resolveram ser felizes bem na minha frente e eu fico assim, sentindo falta de como eu era com ele, de como ele era comigo, e penso em tudo que poderíamos ter sido e não conseguimos ser. E quando penso que já chorei tudo, ainda choro muito. Ainda me sinto uma borboleta com as asas quebradas, querendo voltar pro casulo. Querendo voltar pra uma época que já não existe, pra momentos que já passaram. Ninguém nunca tinha me dito que era tão difícil manter um relacionamento. Vai ver que isso é coisa que a gente precisa aprender sozinho. Dói não ter sido capaz. E eu choro de novo. Viu como sou fraca? Nem quebraram meu escudo e eu, ainda assim, derramo tantas lágrimas. Só que dessa vez você não está aqui honrando quando as deixo rolar e cair, pequeno gentleman de olhos gentis. E nem te cobro isso, mas me sinto muito sozinha.
Tenho dificuldade com a solidão e você sempre foi um bom companheiro. Ando precisando de todas aquelas coisas de novo. Aquela rotina de ter com você aquela conversa leve, o sorriso aberto pra distrair dos problemas, o jeito de brincar de forma sempre tão saudável, ofensas que não ofendiam nunca. Sei lá, me sinto melhor contigo. Sempre me senti uma pessoa especial de verdade. Não me entenda mal, não estou pedindo nada disso de volta. Estou agradecendo por tudo que me ensinou e proporcionou pra seguir em frente. Preciso me manter firme. Acho que por isso a vida acabou me levando até você novamente, justo hoje. Eu te ajudei a cicatrizar sua ferida e, você, ainda que distante, hoje fez minha dor diminuir um pouquinho mais, me fez lembrar que sou forte e me sentir mais confiante de que eu posso curar a minha também.

Hoje você não anda mais pelos caminhos por onde eu passo. Mas, meu Deus, que bom pro meu coração é saber que você vive!

Hoje precisei de mim, da minha alegria e da minha vontade de viver. E, mais uma vez, redescobri tudo isso em você.

Hoje é dia de recomeço!

Anúncios